Agricultor de imagens: memória e tempo na fotografia de Haruo Ohara

Agricultor de imagens: memória e tempo na fotografia de Haruo Ohara

Esse ensaio tem como objetivo refletir sobre a relação entre fotografia e memória, na obra do fotógrafo Haruo Ohara. Sabe-se que, desde o seu surgimento, a fotografia foi sempre compreendida como uma rica fonte de informação de reconstituição do passado (documento) ou criação de ficção. No entanto,...

Saved in:
Journal Title: Conexão: Comunicação e Cultura
Author: Rodrigo Fontanari
Palabras clave:
Language: Portuguese
Get full text: http://www.ucs.br/etc/revistas/index.php/conexao/article/view/5252
Resource type: Journal Article
Source: Conexão: Comunicação e Cultura; Vol 16, No 32 (Year 2017).
DOI:
Publisher: Universidade de Caxias do Sul
Usage rights: Reconocimiento (by)
Categories: Social Sciences/Humanities --> Communication
Abstract: Esse ensaio tem como objetivo refletir sobre a relação entre fotografia e memória, na obra do fotógrafo Haruo Ohara. Sabe-se que, desde o seu surgimento, a fotografia foi sempre compreendida como uma rica fonte de informação de reconstituição do passado (documento) ou criação de ficção. No entanto, certas fotos desse fotógrafo nipônico-londrinense, num golpe de sofisticação, parecem subverter e retirar a fotografia da condição de apenas memória (de rememoração) ou arte e a colocá-la na condição de instante suspenso, que permite simplesmente ao espectador não apenas reviver aquele instante, mas viver aquele momento.