CONCEPÇÕES EPISTEMOLÓGICAS DOS DOCENTES DOS ANOS INICIAIS: UM ESTUDO ENVOLVENDO AS ATIVIDADES EXPERIMENTAIS NO ENSINO DE CIÊNCIAS (FÍSICA)

CONCEPÇÕES EPISTEMOLÓGICAS DOS DOCENTES DOS ANOS INICIAIS: UM ESTUDO ENVOLVENDO AS ATIVIDADES EXPERIMENTAIS NO ENSINO DE CIÊNCIAS (FÍSICA)

Apesar da significativa importância que vem sendo dada pela comunidade de pesquisadores em ensino Física a questões relativas à inserção de conteúdos de Física nos anos iniciais do ensino fundamental, poucos são os efetivamente contemplados pelos professores desse nível de escolaridade. Entre outras...

Saved in:
Journal Title: Ensino de Ciências e Tecnologia em Revista
First author: Cleci Werner Rosa
Other Authors: Álvaro Becker da Rosa;
Caroline Ghiggi;
Luiz Marcelo Darroz
Language: Portuguese
Get full text: http://srvapp2s.santoangelo.uri.br/seer/index.php/encitec/article/view/1037
Resource type: Journal Article
Source: Ensino de Ciências e Tecnologia em Revista; Vol 3, No 1 (Year 2013).
DOI: http://dx.doi.org/10.20912/2237-4450/v3i1.1037
Publisher: Universidade Regional Integrada do Alto Uruguai e das Missões
Usage rights: Reconocimiento - NoComercial - SinObraDerivada (by-nc-nd)
Categories: Multidisciplinary --> Multidisciplinary Sciences
Abstract: Apesar da significativa importância que vem sendo dada pela comunidade de pesquisadores em ensino Física a questões relativas à inserção de conteúdos de Física nos anos iniciais do ensino fundamental, poucos são os efetivamente contemplados pelos professores desse nível de escolaridade. Entre outras consequências dessa omissão, pode estar a possibilidade de que os estudantes construam uma visão de Ciência distorcida da realidade. A questão pode estar associada ao corpo de conhecimentos em ciências abordados nesse nível de escolarização, que normalmente encontra-se associada a Biologia. A fim de verificar a concepção de ciência e de conhecimento científico, bem como o entendimento sobre o papel atribuído à experimentação, atribuída pelos docentes dos anos inicias, realizou-se uma investigação, no decorrer de 2011, com um grupo de professores. Para tanto, a pesquisa recorreu a uma coleta de dados quantitativa, com análise qualitativa, utilizando como instrumento um questionário. Os resultados encontrados corroboram a hipótese inicial no que concerne à visão docente perpetuada na escola, fomentando uma importante discussão na academia, principalmente nos cursos de formação de professores para os anos iniciais do ensino fundamental.