Moda, transferências culturais e história do livro

Moda, transferências culturais e história do livro

Este artigo examina o papel da imprensa na divulgação da moda e a natureza transnacional da revista de moda desde o seu surgimento. Embora o objetivo das primeiras revistas de moda fosse promover a moda parisiense e o domínio cultural francês em todo o mundo, elas gradualmente se transformaram em ve...

Saved in:
Journal Title: dObra[s]
Author: Ana Cláudia Suriani da Silva
Palabras clave:
Language: Portuguese
Get full text: https://dobras.emnuvens.com.br/dobras/article/view/642
Resource type: Journal Article
Source: dObra[s]; Vol 10, No 22 (Year 2017).
DOI:
Publisher: Associação Brasileira de Estudos e Pesquisas em Moda
Usage rights: Reconocimiento - NoComercial - SinObraDerivada (by-nc-nd)
Subjects: Social Sciences/Humanities --> Humanities, Multidisciplinary
Abstract: Este artigo examina o papel da imprensa na divulgação da moda e a natureza transnacional da revista de moda desde o seu surgimento. Embora o objetivo das primeiras revistas de moda fosse promover a moda parisiense e o domínio cultural francês em todo o mundo, elas gradualmente se transformaram em veículos para as transferências culturais em diferentes direções. As revistas de moda são dotadas de função cultural e de valor econômico e, mais do que o livro, são um produto de um processo artístico, gráfico e intelectual que ocorre em diferentes espaços. Este artigo propõe uma metodologia para examinar como a transferência, adaptação e consolidação de um conceito abstrato – a moda – se materializa na mídia impressa, tendo como ponto de partida o vestuário-escrito e vestuário-imagem, de Barthes, para criar uma tipologia para a variedade de textos e imagens encontrados em uma revista de moda.