A economia criativa do mundo antigo

A economia criativa do mundo antigo

A economia criativa é um conceito e mesmo um fenômeno contemporâneo cujo desenvolvimento e cuja compreensão ou delimitação encontram-se em curso. É fato que isso envolve conceitos e aplicações inéditas, mas muitas das características identificadas nesse contexto sempre foram inerentes às dinâmicas e...

Saved in:
Journal Title: Diálogo com a Economia Criativa
Author: Israel Alves Jorge de Souza
Language: Undetermined
Get full text: http://dialogo.espm.br/index.php/revistadcec-rj/article/view/93
Resource type: Journal Article
Source: Diálogo com a Economia Criativa; Vol 2, No 4 (Year 2017).
DOI:
Publisher: Escola Superior de Propaganda e Marketing
Usage rights: Reconocimiento (by)
Subjects: Social Sciences/Humanities --> Social Sciences, Interdisciplinary
Social Sciences/Humanities --> Architecture
Social Sciences/Humanities --> Art
Abstract: A economia criativa é um conceito e mesmo um fenômeno contemporâneo cujo desenvolvimento e cuja compreensão ou delimitação encontram-se em curso. É fato que isso envolve conceitos e aplicações inéditas, mas muitas das características identificadas nesse contexto sempre foram inerentes às dinâmicas econômicas, culturais e sociais, sendo portanto atemporais. A partir da compreensão dessas características atemporais, inclusive, podem ser mais bem visualizados os desdobramentos e as alterações atuais. Sendo assim, após considerações iniciais sobre a economia criativa e suas intersecções e interdependências conceituais com a ciência cultural, será analisada no presente estudo a economia criativa do mundo antigo, com foco em um recorte da experiência greco-romana.