Interculturalidade e ensino de artes visuais do Colégio Pedro II

Interculturalidade e ensino de artes visuais do Colégio Pedro II

O presente trabalho apresenta um estudo de caso sobre interculturalidade e o ensino de artes visuais no Colégio Pedro II. Ele parte da seguinte interrogação: como  construir uma perspectiva intercultural nesse campo de ensino considerando a unilinearidade eurocêntrica que preside a sistematização da...

Saved in:
Journal Title: Educação (UFSM)
First author: Wilson Cardoso Junior
Other Authors: Vera Maria Ferrão Candau
Palabras clave:
Traslated keyword:
Language: Portuguese
Get full text: https://periodicos.ufsm.br/reveducacao/article/view/32894
Resource type: Journal Article
Source: Educação (UFSM); Vol 43, No 4 (Year 2018).
DOI:
Publisher: Universidade Federal de Santa Maria
Usage rights: Reconocimiento (by)
Subjects: Social Sciences/Humanities --> Education --AMP-- Educational Research
Abstract: O presente trabalho apresenta um estudo de caso sobre interculturalidade e o ensino de artes visuais no Colégio Pedro II. Ele parte da seguinte interrogação: como  construir uma perspectiva intercultural nesse campo de ensino considerando a unilinearidade eurocêntrica que preside a sistematização da história da arte tanto na escola básica quanto na formação inicial de professores/as de artes? O referencial teórico baseia-se na educação intercultural crítica (CANDAU, 2002, 2009, 2016), no pensamento pós-abissal (SANTOS, 2007, 2008, 2010) e em estudos voltados para a interculturalização do ensino de artes visuais (RICHTER, 2002, 2003, 2008). Por meio da análise de documentos curriculares e entrevistas realizadas com professores/as dessa disciplina escolar  verificou-se que a construção da perspectiva multi/intercultural no primeiro segmento do Ensino Fundamental ocorre em meio a tensões e disputas com os/as defensores/as da concepção eurocêntrica estabelecida no segundo segmento do Ensino Fundamental. Após análise das duas concepções concorrentes, são feitas reflexões finais sobre os principais desafios que se apresentam no caminho do processo de interculturalização que vem sendo construído nesta tradicional instituição de ensino brasileira, especialmente em relação à formação continuada de professores/as de artes visuais.
Translated abstract: This paper presents a case study on the teaching of the visual arts in an attempt to understand the process of constructing a perspective of intercultural education in this school discipline in Colégio Pedro II. Through the analysis of curricular documents and interviews with teachers, in interlocution with the critical intercultural education and decolonization referenced in post-abyssal thought, it was verified that the construction of the intercultural perspective in the first segment of Elementary Education, produced in dialogue with the pedagogy of visual culture and the intercultural teaching of the visual arts, has occurred amid tensions and disputes with the defenders of the conception of traditional art education centered in the work of art, established predominantly in the second segment of Elementary Education. The final reflections point to the challenge of constructing a project of intercultural training of teachers of visual arts in friction with the Eurocentric systematization of art history that presides over the curricula of this discipline in basic school and in the courses of initial formation of teachers / at.